Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Exmo. Senhor Embaixador,
Exmo. Senhor Ministro das Relações Exteriores,
Exmos. Senhores Colaboradores da Presidência da República;
Exmos. Senhores Diplomatas,
Exmo. Senhor Cônsul Honorário Humberto Bettencourt,
Exmos. Senhores Jornalistas,

Senhor Embaixador,

Honra-me, nesta oportunidade, receber as Cartas Credenciais que acreditam Vossa Excelência na qualidade de Embaixador Extraordinário e Plenipotenciário do Reino da Bélgica junto do Estado de Cabo Verde.


Desejo aqui evocar as relações de amizade e de cooperação existentes entre os nossos dois países, estabelecidas logo depois da independência de Cabo Verde, o que possibilitou a assinatura de alguns Acordos específicos que produziram benefícios em várias áreas de desenvolvimento do meu país dentre as quais citaria o Projecto de Electrificação da Praia – Fase II, o financiamento de uma unidade dessanalizadora, no quadro do projecto do Plano Sanitário de Mindelo, destacando-se, ainda, o Protocolo de cooperação entre a Universidade de Cabo Verde e a Universidade Católica de Louvain, no âmbito da Pesquisa e do Desenvolvimento.
Gostaria, de fazer uma breve mas grata referência a essa prestigiosa Instituição de Ensino Superior, a UCL, que, nos anos sessenta, soube tão bem acolher alguns dos então jovens cabo-verdianos, de entre os quais se destaca um que, mais tarde, viria a ocupar o mais alto cargo da Nação.

Senhor Embaixador,

É facto que o nível de relacionamento institucional entre Cabo Verde e o Reino da Bélgica não reflecte ainda todas as potencialidades que as Autoridades dos nossos países podem retirar desse bom entendimento que de há entre nós muito existe.

Conviria, talvez fosse possível imprimir novo dinamismo, para que se faça uma cooperação mais substantiva, com benefícios mútuos, nomeadamente nas áreas da educação, no apoio ao sector privado e no comércio, bem como o investimento no sector do turismo.

Para além dessa natural propensão a um bom relacionamento a nível bilateral, Cabo Verde e a Bélgica comungam dos mesmos princípios universais. Recorto os da paz, da tolerância, do diálogo e a da resolução pacífica de diferendos. Nesse sentido, Cabo Verde acolheria de muito bom grado todo apoio político que a Bélgica pudesse lhe conferir na sua política de aproximação com a União Europeia no âmbito do Acordo de Parceria Especial.

Para terminar gostaria de felicitar o Senhor Embaixador pela sua nomeação e desejar que a sua missão seja bem sucedida e represente um novo e auspicioso impulso no relacionamento tanto a nível bilateral quanto multilateral entre o Reino da Bélgica e Cabo Verde. Para tanto, manifesto a Vossa Excelência a minha total disponibilidade pessoal e institucional.

Muito obrigado.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:00